Já pode entregar e ver o IRS no telemóvel

Aplicação gratuita para telemóvel já está disponível. Finanças reembolsaram quase 500 milhões de euros. Entrega das declarações termina este mês

A Autoridade Tributária lançou uma aplicação para telemóveis (app) que permite aos contribuintes fazerem a entrega do IRS automático e consultar o estado da declaração. A app é gratuíta e está disponível para os sistemas operativos Android e IOS através das lojas de aplicações.

O IRS automática é uma nova modalidade deste ano, que permite aos contribuintes acederem aos dados já todos preenchidos. Está disponível a quem não tem dependentes e apenas com rendimentos de trabalho por conta de outrem ou de pensões.

As restantes pessoas podem usar a app para perceber como está a situação da declaração. Se foi entregue, se está em validação ou em emissão de reembolso ou pagamento.

Este ano período de entrega do IRS é comum a trabalhadores por conta de outrem ou por conta própria. O prazo termina no final do mês.

O último balanço do Ministério das Finanças, feito a 2 de maio, dava conta que já tinham sido reembolsados cerca de 500 milhões de euros, correspondentes a 591 489 declarações. Na nota, o ministério, referia que "o número de contribuintes reembolsados é cerca de 15 vezes superior ao dia homólogo do ano passado".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

Compreender Marques Mendes

Em Portugal, há recorrentemente espaço televisivo para políticos no activo comentarem notícias generalistas, uma especificidade no mundo desenvolvido. Trata-se de uma original mistura entre comentário político e espaço noticioso. Foquemos o caso mais saliente dos dias que correm para tentar perceber a razão dessa peculiaridade nacional. A conclusão é que ela não decorre da ignorância das audiências, da falta de especialistas sobre os temas comentados, ou da inexistência de jornalistas capazes. A principal razão é que este tipo de comentário serve acima de tudo uma forma de fazer política.