Ex-banqueiros do Credit Suisse detidos em Londres por esquema de fraude

Três ex-banqueiros do Credit Suisse foram detidos em Londres, por alegado envolvimento numa fraude no processo das dívidas ocultas de Moçambique.

Três antigos banqueiros do banco suíço Credit Suisse, foram detidos esta quinta-feira em Londres, depois da denúncia emitida por um tribunal em Nova Iorque. Em causa está o envolvimento numa fraude de 1,7 mil milhões de euros (2 mil milhões de dólares) em empréstimos a empresas controladas pelo Estado moçambicano, entre 2013 e 2016. Segundo a BBC, Andrew Pearse, Surjan Singh, e Detelina Subev foram libertados e aguardam agora um pedido de extradição para os EUA.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos

Premium

Saúde

Empresa de anestesista recebeu meio milhão de euros num ano

Há empresas (muitas vezes unipessoais) onde os anestesistas recebem o dobro do oferecido no Serviço Nacional de Saúde para prestarem serviços em hospitais públicos carenciados. Aquilo que a lei prevê como exceção funciona como regra em muitas unidades hospitalares. Ministério diz que médicos tarefeiros são recursos de "última instância" para "garantir a prestação de cuidados de saúde com qualidade a todos os portugueses".