Empresas têm cada vez mais medo de piratas informáticos

Estudo da Marsh sobre os riscos que preocupam as empresas portuguesas conclui que é na tecnologia que estão as maiores fragilidades.

Há cinco anos o fantasma chamava-se crise financeira e ainda pairava sobre mais de metade das empresas portuguesas. Hoje, o medo da crise foi atirado para o fim da lista de preocupações dos empresários nacionais, e substituído por um novo “bicho papão”: os ataques cibernéticos. Segundo um estudo da corretora de seguros Marsh, 58% das empresas teme vir a ser atacada por piratas informáticos.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos