EDP pode vir a ser alvo de coima de 10 mil euros

O grupo de António Mexia foi alvo de um processo de contraordenação por parte do supervisor financeiro. Arrisca-se a uma coima de 10 mil euros.

O grupo EDP pode vir a ser alvo de uma penalização de 10 mil euros. Em causa está o processo de contraordenação do Banco de Portugal para com a EDP por alegado incumprimento do Regime Geral das Instituições de Crédito e Sociedades Financeiras.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Exclusivos