Dona do Jumbo quer construir 2 novos centros comerciais em Lisboa

Immochan investiu 411 milhões de euros na compra do Forum Montijo, Forum Sintra e Sintra Retail Park. Agora quer apostar na construção de raiz

Este ano, não se prevê a abertura de novos centros comerciais em Portugal. Os grandes negócios vão antes fazer-se pela mudança de mãos, que tem acelerado ao longo dos últimos meses e que tem incidido especialmente na zona metropolitana de Lisboa. Sozinha, a Immochan, o braço imobiliário da dona do Jumbo, gastou 411 milhões de euros na compra de três espaços à Blackstone. O negócio foi anunciado logo em janeiro, quando viu luz verde da Autoridade da Concorrência, mas o valor só foi divulgado esta quarta-feira por Mário Costa, diretor-geral da empresa em Portugal.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Ler mais

Premium

Anselmo Borges

Francisco ​​​​​​​em Pequim?

1. A perseguição aos cristãos foi particularmente feroz durante a Revolução Cultural no tempo de Mao. Mas a situação está a mudar de modo rápido e surpreendente. Desde 1976, com a morte de Mao, as igrejas começaram a reabrir e há quem pense que a China poderá tornar-se mais rapidamente do que se julgava não só a primeira potência económica mundial mas também o país com maior número de cristãos. "Segundo os meus cálculos, a China está destinada a tornar-se muito rapidamente o maior país cristão do mundo", disse Fenggang Yang, professor na Universidade de Purdue (Indiana, Estados Unidos) e autor do livro Religion in China. Survival and Revival under Communist Rule (Religião na China. Sobrevivência e Renascimento sob o Regime Comunista). Isso "vai acontecer em menos de uma geração. Não há muitas pessoas preparadas para esta mudança assombrosa".