Pensões. Executivo aprova regime sem cortes para carreiras muito longas

Esta será a primeira fase do novo regime de reformas antecipadas, que segundo as estimativas do Governo deverá abranger cerca de 15 mil pessoas

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o decreto-lei que estabelece um regime especial de acesso antecipado à pensão de velhice para os beneficiários do regime geral de segurança social e da Caixa Geral de Aposentações com carreiras contributivas muito longas.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos