BBVA aumenta 69 % nos lucros no primeiro trimestre

Banco espanhol apresentou lucros de 1.199 milhões de euros

O banco espanhol BBVA apresentou lucros de 1.199 milhões de euros no primeiro trimestre de 2017, um aumento de 69 % em relação a um ano antes, explicado pela boa evolução das receitas, moderação das despesas de exploração e acertos contabilísticos.

Em informação à Comissão Nacional do Mercado de Valores (CNMV) espanhola, o banco sublinha que o lucro cresceu em todas as áreas de negócios.

O México é o país onde o banco ganha mais dinheiro, 536 milhões de euros no primeiro trimestre do ano, um aumento de 9,7 % em relação ao mesmo período do ano passado, enquanto em Espanha lucrou 266 milhões de euros.

Em termos da sua solvência, o BBVA aumentou o rácio "CET1 fully-loaded" para 11,01 %, em linha com o objetivo para 2017 (11 %).

O banco espanhol afirma ter feito um grande esforço de contenção das despesas no primeiro trimestre do ano, tendo cortado em 1,2 % as despesas de exploração, que foram de 3.137 milhões de euros.

O BBVA teve lucros de 134 milhões de euros nos Estados Unidos (quase +180 %), 160 milhões na Turquia (+20 %), 536 milhões no México (+9,7%) e 185 milhões na América do Sul (+1,6 %).

Exclusivos