Banco de Portugal gasta mais 1,2 milhões em assessoria jurídica

Novo ajuste direto foi feito com a Cuatrecasas. Banco central já pagou mais de 13,1 milhões a escritórios de advogados só desde 2014.

O Banco de Portugal vai gastar mais 1,25 milhões de euros na contratação de assessoria jurídica, de acordo com o contrato publicado esta quarta-feira no portal Base.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Dinheiro
Pub
Pub