Escândalo do Facebook pode ter afetado muito mais do que 83 milhões de pessoas

O caso que envolve a rede social e a empresa Cambridge Analytica está longe de terminar.

Dinheiro Vivo

A revelação é feita por uma antiga funcionário da Cambridge Analytica, Brittany Kaiser: o número de utilizadores do Facebook que tiveram os seus dados usados sem autorização pela empresa de análise é, ao que tudo indica, muito superior a 83 milhões. Segundo esta funcionária, a Cambridge Analytica teve acesso a dados recolhidos em vários quizzes feitos na rede social.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia