EDP acelera mobilidade elétrica em espanha com 40 novos postos de abastecimento

Instalados num tempo recorde de seis meses, a oferta da EDP em Espanha já ultrapassa a meia centena de postos de carregamento, num total de 52

Filipe Garcia
EDP é um dos parceiros da Lisbon Mobi Summit© DR

A estratégia da EDP para a mobilidade elétrica está a ganhar velocidade em Espanha. A elétrica portuguesa acaba de instalar 40 novos pontos de abastecimento nas estradas daquele país, em particular na região das Astúrias, num investimento total que ultrapassa os 600 mil euros.


Com estes novos pontos - instalados num tempo recorde de seis meses - , a oferta da EDP em Espanha já ultrapassa a meia centena de postos de carregamento, num total de 52.


Um percurso iniciado em 2012 e que é para continuar. Segundo fonte oficial da empresa, estão, neste momento, mais nove pontos em estudo ou em fase de execução naquela área geográfica.


O objetivo deste foco nas Astúrias é "dotar a região de infraestruturas necessárias para impulsionar o uso de veículos elétricos na região", explica a mesma fonte. Trata-se, por outro lado, de complementar a oferta numa região onde a EDP tem uma forte presença noutras áreas de negócio.


A opção tem incidido em áreas estratégicas, como a zona central das Astúrias, a estrada principal da costa cantábrica e pontos com grande afluência de turistas como Gijón, a Universidade de Oviedo ou o Aeroporto das Astúrias. Este último foi concluído neste verão, em junho, e representou um investimento de 50 mil euros.


300 clientes todos os meses
A adesão dos automobilistas está aparentemente a compensar o investimento realizado, em linha com o crescimento do mercado da mobilidade elétrica. Ainda antes da instalação destes novos 40 pontos, já cerca de 300 clientes usavam todos os meses as então 12 infraestruturas de carregamento da EDP, numa média mensal de 1000 kWh. Ou seja, os utilizadores daqueles pontos terão abastecido o suficiente para percorrerem à volta de seis mil quilómetros por mês em veículos elétricos. O ambiente agradece.


Ainda em matéria de mobilidade elétrica, a empresa desenvolveu a aplicação EDP Moveon, que permite aos condutores de veículos elétricos saberem qual o ponto mais perto do local onde se encontram, com detalhes sobre o local e as características do carregamento. Outras soluções de comodidade para os clientes são os equipamentos de carregamento passíveis de serem instalados nas garagens.
A EDP Espanha está presente na produção, distribuição e comercialização de energia elétrica e gás, contando com um total de três milhões de clientes. No gás é mesmo líder de mercado na Cantábria, em Múrcia, no País Basco e nas Astúrias, sendo neste último o operador elétrico de referência.


O mercado do país vizinho integra um dos eixos de internacionalização da EDP, que passa também pelo Brasil. Neste país da América do Sul, a inauguração recente do maior corredor elétrico da América Latina permite fazer uma viagem em carro elétrico entre o Rio de Janeiro e São Paulo. Um marco que deixa a elétrica portuguesa na linha da frente naquele mercado.


Em Portugal, a aposta na transição para a mobilidade elétrica tem passado mais recentemente pela instalação de oito postos de carregamento rápido nas principais cidades e vias do país. Segundo os últimos dados do setor, em linha com o crescimento das vendas de veículos elétricos, o consumo dos postos de carregamento cresceu 133% até maio. A energia carregada pelos consumidores nos postos EDP Comercial subiu 320% entre o primeiro semestre de 2017 e igual período deste ano.