CIP quer TSU a financiar formação de trabalhadores

A Confederação Empresarial apresenta esta manhã mais de 50 propostas para o Orçamento do Estado para 2019.

Dinheiro Vivo

A Confederação Empresarial de Portugal (CIP) quer que parte da Taxa Social Única (TSU) paga pelas empresas seja utilizada para financiar a formação dos trabalhadores. "Alocar uma parcela da Taxa Social Única a uma conta específica de cada empresa, que poderia ser utilizada para financiamento da formação profissional certificada, através da correspondente redução das contribuições para a segurança social", lê-se no documento distribuído esta manhã, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa. O montante que não fosse utilizado reverterá para o orçamento da Segurança Social.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia