25% das baixas fiscalizadas foram canceladas

Descontos de beneficiários atingiram o valor mais alto de sempre. Custo médio por beneficiário também aumentou

Dinheiro Vivo

As juntas médicas do sistema de proteção na doença da administração pública (ADSE) fiscalizaram 26.781 baixas em 2016 e concluíram que em 25% dos casos o trabalhador estava apto para voltar ao trabalho. Um grupo de 1875 foi encaminhado para nova avaliação para eventual atribuição de incapacidade permanente.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia