FMI de Vítor Gaspar destaca Portugal pelo combate às desigualdades

Vítor Gaspar observa que a taxa máxima de imposto sobre os super ricos nos países da OCDE era 62% em 1981 e caiu para 35% em 2015.

Portugal é dos países mais eficazes a reduzir as desigualdades de rendimento por via das políticas orçamentais, indica um estudo do Fundo Monetário Internacional (FMI) apresentado por Vítor Gaspar, o diretor para os assuntos orçamentais e antigo ministro das Finanças durante os anos do programa de austeridade português.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos