"Falha técnica grave" no aeroporto de Lisboa pode dar multa de 45 mil euros

Problema de abastecimento teve origem na falha no funcionamento de um dos elementos do sistema de aspiração e bombeamento, diz ENMC

"Falha técnica grave". Esta é a conclusão do relatório da Entidade Nacional para o Mercado de Combustíveis (ENMC) sobre a falha prolongada de abastecimento de aeronaves que ocorreu a 10 de maio no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, e que afetou praticamente 42 mil passageiros. O processo poderá resultar numa coima de até 44.890 euros e que poderá ser paga pela Galp, OZ Energia, Repsol e BP, que formam o Grupo Operacional de Combustíveis (GOC).

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.