Falha no sistema de gestão de escolas expôs 128 mil utilizadores

Descoberta aconteceu no âmbito da ação social desenvolvida por empresa de cibersegurança que, em 2018, decidiu "varrer" o SIGE para testar segurança.

O Sistema Integrado de Gestão de Escolas (SIGE) teve durante "vários anos" expostos os dados de "128.420 utilizadores devido à falta de mecanismos de autenticação e de autorização", revelou hoje à Lusa um especialista de cibersegurança.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos

Premium

Alentejo

Clínicos gerais mantêm a urgência de pediatria aberta. "É como ir ao mecânico ali à igreja"

No hospital de Santiago do Cacém só há um pediatra no quadro e em idade de reforma. As urgências são asseguradas por este, um tarefeiro, clínicos gerais e médicos sem especialidade. Quando não estão, os doentes têm de fazer cem quilómetros para se dirigirem a outra unidade de saúde. O Alentejo é a região do país com menos pediatras, 38, segundo dados do ministério da Saúde, que desde o início do ano já gastou mais de 800 mil euros em tarefeiros para a pediatria.