EDP produz a primeira molécula de hidrogénio verde no Brasil

Projeto de hidrogénio verde da EDP Brasil envolveu um investimento de 7,5 milhões de euros.

A EDP Brasil concebeu a primeira molécula de hidrogénio verde na sua nova unidade de geração em São Gonçalo do Amarante, no Ceará, informou a empresa em comunicado.

A produção bem-sucedida da primeira molécula aconteceu no dia 15 de dezembro, sendo mais uma etapa concluída na estratégia de desenvolvimento do projeto-piloto de hidrogénio no Complexo Termoelétrico de Pecém, cujo lançamento oficial será em janeiro de 2023, confirma a nota.

De acordo com a EDP, o desenvolvimento deste projeto sustentável envolveu um investimento de 7,5 milhões de euros e "é um importante marco para a produção de energia limpa no país e faz parte dos compromissos de transição energética da EDP à escala global".

Esta unidade de hidrogénio verde é a primeira do Estado brasileiro e também a primeira do grupo EDP.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG