Dívidas até 50 mil euros podem ter plano de prestações online

A medida abrange cerca de 100 mil contribuintes, de acordo com o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

É uma nova funcionalidade e está disponível a partir de hoje. Os contribuintes com dívidas à Segurança Social, sempre em valores inferiores a 50 mil euros, passam a poder criar online, na Segurança Social Direta, um plano de prestações para a regularização dos pagamentos em falta.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG