Combustíveis. Sindicato conseguiu mais 200 sócios com greve

O recém-criado Sindicato dos Motoristas de Matérias Perigosas conseguiu mais 200 sócios nos últimos dias, graças ao impacto da greve que ameaçou o abastecimento de combustíveis, o que garante mais recursos financeiros à estrutura e um salário ao seu presidente.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos