Centeno perde mais receita do que esperado com IVA da restauração

As estimativas iniciais do governo apontavam para uma perda a rondar os 350 milhões de euros, mas o valor foi superior.

Era suposto ter rondado os 350 milhões de euros, mas a perda de receita com a redução da taxa do IVA de 23% para 13%, a 1 de julho de 2016, causou um “rombo” maior do que o previsto. Nos 18 meses que se seguiram à introdução da medida, a perda foi de 385,3 milhões de euros, ou seja, ficou 35,3 milhões acima da previsão inicial inscrita nos Orçamentos do Estado (OE) para 2016 e 2017.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG