Centeno acusa PSD-CDS de maquilhar défice em mil milhões de euros

"É inequívoco que as metas foram alcançadas sem recurso a medidas extraordinárias", disse Mário Centeno, enquanto comentava o défice de 2,1%, do INE.

O anterior governo do PSD-CDS "embelezou as contas de 2015 à custa da execução orçamental de 2016" em mil milhões de euros, acusou o ministro das Finanças, esta sexta-feira, numa conferência de imprensa, em Lisboa.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos