Carga fiscal portuguesa bate novo máximo histórico no ano que vem

Bruxelas prevê subida para 35,5% do PIB em 2020. Peso do valor cobrado em impostos e descontos para a Segurança Social cresce mais depressa do que a economia.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Exclusivos