Van Dijk ultrapassado. Maguire vai tornar-se no defesa mais caro do mundo

Leicester e Manchester United já chegaram a acordo para a a transferência do defesa central por um valor a rondar os 90 milhões de euros

Harry Maguire, 26 anos, vai tornar-se no defesa mais caro da história do futebol. De acordo com a BBC, o Leicester, clube que detém o passe do jogador, já chegou a acordo com o Manchester United, com a transferência a ser avaliada em 90 milhões de euros. Ou seja, Maguire vai bater o recorde que pertencia a Virgil van Dijk, que em 2017 custou 82 milhões de euros aos cofres do Liverpool.

Maguire formou-se nas camadas jovens do Sheffield United, clube onde se estreou como profissional em 2011 e foi três vezes considerado o melhor jogador do ano da equipa. As boas exibições valeram-lhe a atenção de clubes da Premier League e em julho de 2014 transferiu-se para o Hull City, a troco de pouco mais de três milhões de euros. Com poucas oportunidades, nessa mesma temporada foi cedido ao Wigan, da II Liga. Mas no ano seguir voltou ao Hull e pegou de estaca na equipa, realizando duas boas temporadas.

No verão de 2017, o Leicester contratou-o para reforçar o centro da defesa. Maguire assinou um contrato de cinco anos e a sua transferência rendeu cerca de 15 milhões de euros ao Hull City. Foi titularíssimo e considerado o melhor jogador da equipa. E logo aqui começaram os primeiros rumores sobre o interesse do Manchester United. Mas o defesa acabou por permanecer no Leicester.

Internacional sub-21 pela Inglaterra, foi pela primeira chamado à seleção principal por Gareth Southgate, em agosto de 2017, para as eliminatórias de apuramento para o Mundial da Rússia, competição para a qual foi depois convocado e até marcou um golo, nos quartos-de-final diante da Suécia. Mais recentemente esteve em representação da seleção inglesa na Liga das Nações, prova que se realizou no Porto e em Guimarães e que Portugal venceu.

Agora, o namoro com um ano vai dar em casamento. Leicester e Manchester United já chegaram a um acordo e está previsto que o defesa central faça os necessários exames médicos este fim de semana. Só depois a transferência será oficializada. O United estava no mercado à procura de um defesa central devido à grave lesão contraída por Bailly, que o vai deixar algum tempo afastado dos relvados. Para o centro da defesa, o United tem ainda Phil Jones, Chris Smalling, o ex-benfiquista Lindelof e o ex-sportinguista Rojo.

Exclusivos