V. Guimarães pede insolvência da SAD leonina. Sporting fala em "histerismo"

Em causa está a falta de pagamento da transferência do brasileiro Raphinha

O V. Guimarães apresentou esta quarta-feira um pedido de insolvência da SAD do Sporting junto do Juízo de Comércio de Lisboa. Em causa está o incumprimento do pagamento da transferência do brasileiro Raphinha por parte dos leões, no início da atual época desportiva.

Os minhotos queixam-se que a SAD leonina apenas pagou, ainda que fora do prazo, uma prestação do valor acordado, que ronda os 6,5 milhões de euros, faltando ainda liquidar quatro milhões de euros, que o Sporting voltou a falhar o pagamento.

O Sporting já reagiu entretanto a esta tomada de posição dos vimaranenses numa nota assinada pelo vice-presidente João Sampaio, que classifica esta medida do Vitória como "histerismo público".

"É pública a situação do Sporting Clube de Portugal, assim como o trabalho que estamos a desenvolver para a resolver. Estranhamos a posição do Vitória Sport Clube, na medida em que preferem o histerismo público em vez de esperar pela solução de curto prazo que propusemos e que ignoraram", adiantou o dirigente leonino, deixando uma garantia: "Honraremos, como sempre, os nossos compromissos, como o Vitória bem sabe."

A terminar a nota, deixa um recado: "Não deixaremos de distinguir quem se portou com dignidade e respeitou a instituição Sporting Clube de Portugal; e quem, de uma maneira mais direta ou menos direta, e sem nenhuma vantagem, nos desrespeitou."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG