Simeone elogia João Félix. A visão de jogo, o crescimento e como render mais

Treinador do Atlético Madrid diz que o jovem português pode adaptar-se a vários sistemas. E destaca a exibição do ex-benfiquista no jogo com o Lokomotiv na Champions.

Diego Simeone, treinador do Atlético Madrid, deixou este sábado grandes elogios a João Félix pela exibição do jogador português no recente jogo da Champions frente ao Lokomotiv de Moscovo, que os colchoneros venceram por 2-0 com um dos golos marcados pelo ex-benfiquista.

Na antevisão ao jogo deste domingo com o Valhadolid, relativo ao campeonato espanhol, o técnico argentino do Atlético de Madrid falou demoradamente sobre João Félix, elogiando a visão de jogo do internacional português e de como espera ainda que o avançado melhore as suas qualidades. Aqui ficam as frases mais fortes de Simeone sobre o reforço que custou aos cofres do Atlético 126 milhões de euros.

"Pelas suas características, pode jogar com dois avançados à frente dele. Aliás, com a sua visão de jogo tem até mais possibilidades com dois avançados a jogarem diante dele. Mas para eu conseguir colocar dois jogadores à frente do João temos que elevar o trabalho para termos equilíbrio e isso depende sempre dos futebolistas."

"O João Félix pode jogar nas duas versões [como avançado ou atrás dos avançados]. Quando chegou todos diziam que ele era um segundo avançado. Tem condições para fazer esse lugar e terá muito mais com o decorrer dos anos. Quanto mais participativo for, melhor será para a equipa e para Diego Costa e Morata, que dão mais vertigem à equipa."

"[o jogo com o Lokomotiv foi o melhor de João Félix pelo Atlético?] Foi aquele em que teve mais continuidade. Para um jogador que gosta sempre de estar próximo da bola, isso gera entusiasmo. Ele esteve nos dois golos da equipa com uma contribuição muito importante e vai continuar a crescer. O que mais gostei foi quando foi ao chão para recuperar uma bola para a equipa, demonstra que compreende que isso faz parte do futebol."

João Félix leva um total de nove jogos disputados com o Atlético Madrid (693 minutos) e três golos marcados - dois na liga espanhola e um na Liga dos Campeões.