Salah viajou para a seleção e foi infetado com covid-19

Na mesma semana que viu Joe Gomez lesionar-se na seleção inglesa, o Liverpool perde o seu avançado que se encontrava no Egito para representar a sua equipa nacional.

Mohamed Salah é a segunda dor de cabeça do treinador do Liverpool na mesma semana. Depois do defesa-central Joe Gomez se ter lesionado ao serviço da seleção inglesa, agora foi a vez de receber a notócia de que avançado Mohamed Salah está infetado com covid-19.

O jogador está no Egito para representar a sua seleção no apuramento para a Taça das Nações Africanas e era uma das armas da sua equipa nacional para este sábado defrontar o Togo, mas segundo a federação egípcia, Salah teve um teste positivo e não poderá ser utilizado.

O avançado de 28 anos está assintomático, encontra-se isolado e será submetido a mais testes nas próximas horas, de acordo com o departamento médico da seleção do Egito.

Jürgen Klopp, o técnico do Liverpool, fica agora a aguardar pelo regresso do seu jogador, na esperança de poder utilizá-lo no regresso da Premier League, a 21 de novembro, frente ao Leicester.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG