Rui Vitória: "Ajax teve a sorte do jogo no último lance"

Treinador do Benfica falou sobre o empate com o Ajax (1-1) e as contas que é preciso fazer para garantir, pelo menos a presença na Liga Europa. Jonas pediu união e Grimaldo criticou adeptos por não apoiarem a equipa.

Para Rui Vitória, o Benfica podia ter sido mais feliz no jogo com o Ajax, esta noite, no Estádio da Luz, para a Liga dos Campeões. O jogo acabou empatado (1-1), mas os encarnados ainda podem fazer contas aos oitavos de final nos dois jogos que faltam jogar na fase de grupos.

Houve ansiedade pelos maus resultados? "Eventualmente sim, tomos temos a consciência que os últimos resultados não foram positivos. Foi um jogo muito equilibrado, implementámos a estratégia que queríamos, bloqueámos a construção do Ajax. Os pormenores fizeram a diferença. O adversário teve a sorte do jogo no último lance. O último lance é demonstrativo da fase que estamos a passar. A forma como a equipa esteve em campo era uma forma que merecia a vitória. Os meus jogadores fizeram aquilo que tinham de fazer."

Qual a consequência deste resultado, que deixa a equipa mais perto da Liga Europa? "A consequência matemática é essa, de estarmos perto da Liga Europa, mas vamos continuar a lutar. A equipa enfrentou este jogo com coragem, união, a lutar por todos os lances. Noutra fase, numa fase mais positiva da época, a bola entraria. É assim que estamos a viver, fica mais difícil, mas uma consequência positiva foi reação que a equipa teve."

O que é preciso para voltar o melhor Benfica? "É preciso termos noção da realidade, enfrentá-la, temos a noção que a competência não se perde por momentos ou circunstâncias. Se ela existe, está cá. Hoje objetivamente o resultado não foi do agrado, mas a equipa fez um jogo muito seguro, tal como tínhamos feito em Amesterdão. Isto podia ser tudo ao contrário se o Ajax não tivesse marcado aos 93 minutos lá e se hoje aquele lance no final [de Gabriel] entra. Não há que estar a olhar para isso, a racionalidade e a competência não se perdem por momentos ou circunstâncias."

Jonas:"No próximo jogo temos de voltar a vencer"

Para Jonas, que foi titular e marcou o golo das águias, o empate do Benfica com o Ajax (1-1), na Liga dos Campeões, foi um resultado "injusto". "Foi um bom jogo da nossa parte. Podíamos ter feito mais golos, o resultado foi injusto. Claro que do outro lado esteve um Ajax que tem estado bem e que tem qualidade, mas a equipa fez por merecer a vitória. A nossa situação não é tão confortável, tanto na Champions como na Liga. No último minuto a bola podia ter entrado e acabou por não entrar... Estamos tristes por isso, mas na entrega e na luta saímos orgulhos", salientou o avançado brasileiro, à TVI24.

Em relação à série negativa em que o Benfica, o avançado lembrou que a equipa já passou pelo mesmo noutras temporadas, tendo depois alcançado o título nacional:"Há sempre ansiedade quando os resultados não acontecem. Somos uma equipa experiente. Nos outros anos em que fomos campeões também passámos por dificuldades. Todos juntos temos tudo para dar a volta. No próximo jogo, do campeonato, temos de voltar a vencer para estarmos perto dos primeiros lugares. Nos últimos jogos tivemos derrotas inesperadas, mas ainda falta muito campeonato. Esse jogo vai-nos fortalecer, por mais que a vitória não tenha chegado."

Grimaldo critica adeptos

Alex Grimaldo na flash interview da Eleven Sports: após o empate 1-1 com o Ajax, na Liga dos Campeões apontou o dedo aos adeptos encarnados: "Estamos num momento em que a sorte não cai para nosso lado. É preciso estarmos unidos, juntos para dar a volta à situação e pensar que ganhamos o próximo jogo. Muita pressão sobre a equipa? A reação dos adeptos não me agradou nada. A equipa correu, trabalhou, não entendo porque não estão connosco, quando há vitórias estamos todos juntos e felizes, mas agora que estamos a sofrer derrotas e precisamos deles para dar a volta...creio que trabalhámos, mas não estão connosco e a equipa está descontente com isso."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG