Ronaldo garante que fica na Juventus: " A 1000%!"

Rumores da possível saída do português aconteceram depois da eliminação da Liga dos Campeões esta semana.

Cristiano Ronaldo acabou de se sagrar campeão de Itália pela Juventus. O português foi a grande figura da equipa que conquistou este sábado o oitava título seguido e talvez por isso o futuro do jogador interesse mais do que a festa.

Apesar de ter contrato com a Juventus até 2022, esta semana, após a eliminação da Champions diante do Ajax surgiram alguns rumores quanto ao futuro do português

Por isso, após a vitória sobre a Fiorentina (2-1), foi questionado sobre isso. E quando lhe perguntaram se podia garantir a 100% que na próxima época estaria no clube, o português respondeu a sorrir: " A 1000% na Juventus!"

Já à Sky Italia, falou do "merecido" título da Juventus: "Foi uma temporada muito boa. Ganhámos a Supertaça e o scudetto. Parece fácil, mas não é, pois é muito difícil ganhar uma prova de temporada. Estou muito contente, tenho um sentimento de felicidade e alegria. Merecemos ganhar porque fomos os melhores."

"Parece fácil, pela diferença de pontos para o segundo classificado [Nápoles], mas não é. Foi um ano de trabalho, dedicação, muito esforço. Esta equipa merece", salientou disse o internacional luso à SportTV.

Poucos dias depois da eliminação nos quartos de final da Liga dos Campeões, aos pés do Ajax, Ronaldo assegurou não ter ficado qualquer "amargo de boca". "Só pode ganhar uma equipa. Claro que estou triste por não termos passado à fase seguinte, mas o futebol é isto. Não se pode ganhar sempre. Quem cai, tem de ter a humildade de se saber levantar. Claro que podíamos chegar mais longe, mas o futebol é isto", referiu.

De resto, enalteceu a época realizada pela Juventus: "O ano é muito positivo, porque ganhámos a Supertaça e, agora, o campeonato, que não é fácil. É um campeonato mais difícil do que o espanhol e do que o inglês, e nós ganhámo-lo bem."

Por outro lado, Cristiano Ronaldo revelou a intenção de ajudar a seleção portuguesa na final four da Liga das Nações, que vai decorrer em Portugal, no início de junho."Espero estar em condições psicológicas e físicas para poder ajudar a seleção, porque é um troféu bonito e vai ser disputado em Portugal. Espero estar bem e poder ir", concluiu.

Exclusivos