Oficial: Rúben Semedo no Huesca

O defesa central português, que deixou a prisão há uma semana, vai representar o Huesca, da I Liga espanhola, até ao final da época por empréstimo do Villarreal

O Huesca, clube que este ano subiu ao escalão principal do futebol espanhol, anunciou esta quinta-feira a contratação de Rúben Semedo, o defesa central português que esteve detido 142 dias e que saiu da prisão na última sexta-feira. O futebolista formado no Sporting assinou até ao final da temporada, por empréstimo do Villarreal, clube que na época passada pagou 14 milhões de euros aos leões pela sua contratação.

Rúben Semedo estava detido desde 19 de fevereiro último, por suspeitas de ter, juntamente com outras duas pessoas, sequestrado um homem, a quem, sob ameaça com uma pistola, retiraram as chaves do apartamento, de onde alegadamente furtaram dinheiro e objetos. Mas deixou a prisão em liberdade condicional, na passada sexta-feira, depois de pagar uma fiança de 30 mil euros.

O jogador de 23 anos, com quem o Villarreal suspendeu o contrato até que se conclua o processo, é acusado de tentativa de homicídio, agressão, sequestro, posse de arma ilícita, roubo com violência e ameaças, e aguarda ainda julgamento.

Rúben Semedo realizou esta quinta-feira testes médicos no novo clube e esta sexta-feira deverá ser apresentado oficialmente e treinar junto dos novos colegas.