Oficial: Griezmann já é jogador do Barcelona

Clube catalão pagou a cláusula de rescisão de 120 milhões de euros para o avançado se desvincular do Atlético de Madrid. E foi imediatamente anunciado como reforço do Barça, com contrato para as próximas cinco épocas e uma cláusula de 800 milhões.

Está feito. Antoine Griezmann, 28 anos, vai ser mesmo reforço do Barcelona. O advogado do jogador depositou esta sexta-feira na sede da Liga espanhola os 120 milhões correspondentes à cláusula de rescisão do avançado francês, que possibilitavam que o futebolista deixasse os colchoneros e assinasse pelos catalães sem ter de haver negociações entre os dois clubes. O contrato, anunciou o Barcelona, é válido por cinco temporadas e o futebolista fica com uma cláusula milionária de 800 milhões de euros. Apesar de ainda não ser oficial, a apresentação deverá acontecer no domingo, em Camp Nou.

Esta era uma transferência há muito anunciada, mas só agora confirmada de forma oficial. A operação começou a ganhar forma a 14 de maio, quando Griezmann, através de um vídeo colocado nas redes sociais, anunciou que ia deixar o Atlético. Mas o negócio só podia ser feito a partir de 1 de julho, data em que a cláusula do francês descia de 200 para 120 milhões. "Custou-me escolher este caminho, mas é o que sinto e o que necessito, e queria agradecer por todo o carinho que me deram durante estes cinco anos, neste clube em que ganhei as minhas primeiras taças, os meus primeiros troféus importantes. Foram momentos incríveis, que recordarei para sempre. Levo-vos no coração", escreveu Griezmann em maio.

Pelo meio surgiram notícias de que a contratação de Griezmann não era consensual no balneário do Barcelona, e que o clube da Catalunha pretendia negociar com o Atlético de Madrid o pagamento faseado dos 120 milhões de euros. Mas o emblema da capital espanhola manteve-se firme e não aceitou as condições, chegando mesmo a ameaçar o Barcelona com uma queixa na FIFA pelo facto de as negociações terem sido ainda feitas quando o jogador estava contratualmente ligado ao clube.

Certo é que o Atlético de Madrid já estava preparado para a saída do melhor marcador da equipa nos últimos anos e foi já nesse sentido que avançou para a contratação de João Félix, pagando pelo jovem ex-Benfica 126 milhões de euros e entregando-lhe o número 7 que pertencia a... Antoine Griezmann.

O jogador francês era um amor antigo do Barcelona. Pelo menos desde 2017, quando começaram a sair as primeiras notícias sobre o alegado interesse em Griezmann para substituir Neymar, que tinha assinado pelo PSG. Na altura, porém, o Barcelona acabou por optar por Dembelé. No início da época passada a hipótese voltou a ser falada, mas mais uma vez não se concretizou.

Apesar de ser francês, a carreira de Griezmann foi toda feita em Espanha, país onde chegou ainda muito novo para integrar as escolas de formação da Real Sociedad. Quatro épocas depois, em 2009-10, estreou-se pela equipa basca, em setembro de 2009, com uma derrota por 2-0 diante do Rayo Vallecano. Esteve cinco épocas na Real Sociedad e no verão de 2014 transferiu-se para o Atlético de Madrid por um valor a rondar os 30 milhões de euros.

Tornou-se a principal figura dos colchoneros nos últimos anos, clube onde conquistou uma Liga Europa (2017-2018), uma Supertaça Europeia (2018) e uma Supertaça de Espanha (2014). Mas o seu maior troféu foi alcançado ao serviço da seleção francesa, pela qual sagrou-se campeão do Mundo em 2018, tendo apontado um golo no triunfo por 4-1 na final com a Croácia. Pelo Atlético, uma das suas maiores desilusões aconteceu na final da Champions 2015-16, quando no desempate por grandes penalidades falhou um penálti decisivo que acabou por dar o troféu ao rival Real Madrid.

Antoine Griezmann tornou-se assim na sexta transferência mais cara da história do futebol, relegando Cristiano Ronaldo para o sétimo posto deste ranking. A lista dos mais caros de sempre é liderada por Neymar, que trocou o Barcelona pelo PSG por 222 milhões de euros. Seguem-se Philippe Coutinho (145 milhões), Mbappé (135), João Félix (126) e Ousmane Dembélé (125). Ronaldo, recorde-se, transferiu-se em 2017-18 para a Juventus por 117 milhões de euros.

O avançado francês é a terceira contratação do Barcelona já confirmada para esta temporada, depois do médio Frenkie de Jong (75 milhões, ex-Ajax) e guarda-redes Neto (26 milhões, ex-Valência). O clube catalão pode ainda rebentar com o mercado de transferências caso se confirme o regresso de Neymar, naquela que tudo indica será a grande novela deste verão em termos de transferências.

Exclusivos

Premium

Flamengo-Grémio

Jesus transporta sonho da Champions para a Libertadores

O treinador português sempre disse que tinha o sonho de um dia conquistar a Liga dos Campeões. Tem agora a oportunidade de fazer história levando o Flamengo à final da Taça Libertadores para se poder coroar campeão da América do Sul. O Rio de Janeiro está em ebulição e uma vitória sobre o Grémio irá colocar o Mister no patamar de herói.