Mulher de Kobe Bryant quebra silêncio: "É impossível imaginar a vida sem eles"

Vanessa Bryant agradeceu através das redes sociais as mensagens de apoio que tem recebido na sequência do acidente de helicóptero que causou a morte do marido e da filha do casal.

A mulher de Kobe Bryant, Vanessa Bryant, quebrou o silêncio e deixou nas redes sociais uma mensagem sentida para agradecer as mensagens de apoio e solidariedade que tem recebido na sequência do desastre de helicóptero que resultou na morte da antiga estrela da NBA e da filha do casal. Vanessa diz que a dor é muito grande e que "é impossível imaginar a vida sem eles".

"As minhas filhas e eu queremos agradecer às milhões de pessoas que demonstraram apoio e amor durante este período horrível. Obrigado por todas as orações. Definitivamente, precisamos delas. Ficámos completamente arrasados com a perda repentina do meu adorado marido, Kobe, o incrível pai das nossas filhas, e da minha linda e doce Gianna, uma filha amorosa, atenciosa e maravilhosa, e uma irmã incrível da Natalia, Bianka e Capri", escreveu Vanessa nas redes sociais.

"É impossível imaginar a vida sem eles. Mas acordamos todos os dias e temos de continuar em frente porque Kobe e a nossa filha, Gigi, estão a brilhar para iluminar o caminho. O nosso amor por eles é infinito e isso é incomensurável. Eu só queria poder abraçá-los, beijá-los e abençoá-los. Tê-los aqui connosco, para sempre", acrescentou.

O norte-americano Kobe Bryant, 41 anos, considerado um dos maiores jogadores de sempre da Liga Norte-Americana de Basquetebol (NBA), morreu domingo na sequência de um acidente de helicóptero em Calabasas, na Califórnia (Estados Unidos). Um acidente onde também faleceu a sua filha de 13 anos e mais sete pessoas.

O basquetebolista, conhecido como o 'Black Mamba' (cobra mamba negra), chegou à NBA aos 17 anos e atuou ao longo de 20 anos nos Los Angeles Lakers, tendo sido cinco vezes campeão norte-americano e duas vezes campeão olímpico (Pequim2008 e Londres2012). É um dos únicos sete atletas que ultrapassaram a marca dos 30.000 pontos na carreia.

Kobe era o terceiro melhor marcador da história da NBA, com 33.643, apenas atrás de Kareem Abdul-Jabbar (38.387) e Karl Malone (36.928), tendo sido agora ultrapassado por LeBron James (33.655).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG