Mourinho prefere a Europa ao Brasil, mas "na vida não se pode dizer nunca"

Treinador português comentou o jogo da Copa Sul Americana entre o Santos e o River Plate em conjunto com o guarda-redes Júlio César, que lhe prometeu pagar um almoço. "Aceito, estou desempregado", respondeu Mourinho.

Fora dos relvados, depois de ter deixado o Manchester United, José Mourinho está mais ativo do que nunca no papel de comentador. Na quarta-feira, para o canal DAZN, comentou o jogo entre o River Plate e o Santos (0-0) para a Copa Sul Americana, e aproveitou para falar um pouco sobre o seu futuro, respondendo até a uma provocação sobre se estava disponível para treinar no Brasil.

"Aprendi que na vida não se pode dizer nunca. Passo sempre férias no Brasil, a minha família gosta muito. Mas, neste momento, prefiro e tenho a intenção de encontrar um clube na Europa", referiu o treinador, que nas últimas semanas foi apontado ao Inter Milão, clube que já treinou no passado e pelo qual foi campeão e venceu uma Liga dos Campeões.

Ainda durante os comentários do jogo da Copa Sul Americana, feitos através de vídeochamada, Mourinho teve oportunidade de falar com Júlio César, antigo guarda-redes do Benfica que foi treinado pelo técnico português no Inter Milão. Em jeito de brincadeira, Mourinho convidou-o para almoçar em Lisboa. Júlio César respondeu afirmativamente e até disse que pagava o almoço. "Aceito, estou desempregado", respondeu.

Exclusivos