Lisboa pode receber a fase final da Liga dos Campeões

A UEFA estuda a possibilidade de se realizar um mini-torneio na Luz e em Alvalade para que a Champions possa terminar.

A UEFA está a analisar a possibilidade ​​​​​​​de Lisboa acolher a fase final da Liga dos Campeões, que foi suspensa no início de março com quatro jogos dos oitavos-de-final por realizar, além dos quartos, meias finais e final, que estava marcada para Istambul.

Os 12 clubes interessados no desfecho da Champions aguardam a decisão da UEFA, que será tomada a 17 de junho numa reunião do Comité Executivo, segundo revelou esta terça-feira a edição do jornal desportivo espanhol Mundo Deportivo. Neste momento, a ideia é reatar a Liga dos Campeões e ainda a Liga Europa (que ficou parada nos oitavos-de-final) no início de agosto.

De acordo com aquele jornal da Catalunha, Istambul pretende renunciar à organização da final da Champions por razões financeiras, sendo aí que entra Lisboa, com o Estádio da Luz (recebeu a final de 2014) a acolher esta fase decisiva da prova e o Estádio José Alvalade como suporte para jogos dos oitavos e quartos-de-final.

No entanto, a ideia é que todos os jogos se realizarão à porta fechada, sendo que as eliminatórias seriam disputadas a um só jogo, algo que desagrada aos detentores dos direitos televisivos, pois terão dessa forma menos jogos para transmitir, o que originará uma inevitável quebra das receitas publicitárias por parte das operadoras.

Outro problema tem a ver com as datas para realização do que resta da Liga Europa, uma vez que a UEFA tem consciência que uma fase final da competição terá menos impacto se for disputada nas mesmas datas da Champions.

Refira-se que PSG, Atlético de Madrid, Atalanta e RB Leipzig já tinham garantido a presença nos quartos-de-final da Liga dos Campeões enquanto ainda faltava disputar a segunda mão dos jogos Bayern Munique-Chelsea (3-0 na primeira mão), Barcelona-Nápoles (1-1), Juventus-Lyon (0-1) e Manchester City-Real Madrid (2-1).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG