Sabe qual a média salarial na Liga portuguesa? 307 mil euros anuais

Relatório divulgado pela consultora financeira Sporting Intelligence revela que o Barcelona é a equipa que mais paga em salários - uma média de 11,8 milhões de euros anuais por jogador

A Liga portuguesa de futebol tem a 15.ª média salarial mais alta entre os principais campeonatos de futebol do mundo. Os jogadores dos 18 clubes do principal campeonato português recebem em média 307.053 euros por ano, muito longe do campeonato inglês, que lidera a lista, com quase 3,4 milhões de euros (ME).

De acordo com o relatório, o FC Barcelona, em que alinha Nelson Semedo, tornou-se a primeira equipa mundial a pagar mais do que 10 ME por ano aos jogadores, atingindo cerca de 11,8 ME de massa salarial no plantel principal.

Alguns dos motivos que contribuíram para esta posição foram as renovações de Lionel Messi até 2021, de Gerard Piqué até 2022, de Samuel Umtiti e Sérgio Busquets até 2023, e ainda as contratações de Philippe Coutinho, Arthur, Malcom e Arturo Vidal.

O Real Madrid é o segundo classificado, com perto de 9,1 ME, num 'top' 10 global, em que se seguem seis equipas da Liga Norte-Americana de Basquetebol (NBA): Oklahoma City Thunder, Golden State Warriors, Washington Wizards, Toronto Raptors, Houston Rockets e Miami Heat.

A Juventus, que contratou esta temporada os portugueses Cristiano Ronaldo e João Cancelo, saltou 23 lugares, de 32.º para o nono lugar, com o Manchester United de José Mourinho e Diogo Dalot a fechar em 10.º, logo acima do rival Manchester City.

Ranking por ligas de futebol

PREMIER LEAGUE INGLESA
€3,380 milhões de euros
LA LIGA ESPANHOLA
€2,487 milhões
SERIE A ITALIANA
€1,717 milhões
BUNDESLIGA ALEMÃ
€1,578 milhões
LIGUE 1 FRANCESA
€1,118 milhões
SUPER LEAGUE CHINESA
€903 mil euros
PREMIER LEAGUE RUSSA
€753 mil euros
SÜPER LIG TURCA
€742 mil euros
BRASILEIRÃO
€576 mil euros
MLS NORTE-AMERICANA
€446 mil euros
PRO LEAGUE ARÁBIA S.
€436 mil euros
FIRST DIVISION BELGA
€346 mil euros
LIGA MEXICANA
€345,7 mil euros
PRIMERA DIVISION ARGENTINA
€326 mil euros
PRIMEIRA LIGA PORTUGUESA
€307 mil euros

Pode consultar aqui o relatório Global Sports Salaries Survey 2018, da Sporting Intelligence

Exclusivos

Premium

Alentejo

Clínicos gerais mantêm a urgência de pediatria aberta. "É como ir ao mecânico ali à igreja"

No hospital de Santiago do Cacém só há um pediatra no quadro e em idade de reforma. As urgências são asseguradas por este, um tarefeiro, clínicos gerais e médicos sem especialidade. Quando não estão, os doentes têm de fazer cem quilómetros para se dirigirem a outra unidade de saúde. O Alentejo é a região do país com menos pediatras, 38, segundo dados do ministério da Saúde, que desde o início do ano já gastou mais de 800 mil euros em tarefeiros para a pediatria.