Leonel Pontes já orienta treino do Sporting com dois reforços à disposição

Jesé Rodríguez e Bolasie participaram na primeira sessão de trabalho após a saída de Marcel Keizer.

Tal como esperado, Leonel Pontes orientou esta quarta-feira o treino do Sporting, na Academia de Alcochete, o primeiro após consumada a saída de Marcel Keizer. O técnico madeirense de 47 anos, que até aqui estava no comando da equipa de sub-23, é por agora o eleito para pegar na equipa principal, estando a sua continuidade dependente dos resultados da equipa.

O treino desta quarta-feira dos leões ficou ainda marcado pela presença de dois dos três reforços assegurados no último dia do mercado, Jesé Rodríguez e Bolasie. O médio Fernando, como só chegou mais tarde, esteve a realizar exames médicos e físicos. Dados os compromissos das várias seleções nacionais o técnico viu-se privado de 11 jogadores, entre eles Bruno Fernandes, que está ao serviço da equipa das quinas.

Leonel Pontes, nascido no Funchal, foi um dos adjuntos de Paulo Bento, atual selecionador da Coreia do Sul, quando em 2005/06 o antigo futebolista, então treinador dos juniores do Sporting, foi apontado para substituir José Peseiro.

Paulo Bento e Leonel Pontes coincidiram em boa parte do percurso, mesmo depois de o ex-futebolista ser convidado, em setembro de 2010, para selecionador português, função na qual voltou a contar com o adjunto.

Mas antes, quando Paulo Bento deixou o Sporting, Leonel Pontes ainda orientou em 8 de novembro de 2009 um único jogo da equipa principal, a anteceder a entrada de Carlos Carvalhal, num jogo em que os 'leões' empataram a 2-2 fora com o Rio Ave.

Em 2014/15, a solo, e já depois de deixar a equipa técnica da Federação Portuguesa de Futebol, o técnico regressou à cidade natal do Funchal, para treinar o Marítimo, naquela que foi verdadeiramente a primeira experiência como treinador principal.

Um vínculo que terminou antes do final dessa época, com o técnico a sair da equipa em março de 2015, depois de uma derrota em casa do Vitória de Guimarães e quando a equipa seguia em 11.º lugar no campeonato.

Na época seguinte, Leonel Pontes iniciou uma carreira fora de Portugal, com várias experiências de curta duração.

Primeiro, em 2015/16 apenas com cinco jogos nos gregos do Panetolikos, não resistindo, uma vez mais, aos maus resultados (duas vitórias, um empate e duas derrotas), e, na mesma época, no Ittihad Alexandria, do Egito, do qual também saiu.

Em 2016/17, Leonel Pontes assumiu o Debrecen à sexta jornada, e terminou o campeonato húngaro em oitavo lugar, optando, no final, por rescindir contrato, por mútuo acordo.

Na última temporada, Leonel Pontes esteve no Jumilla, emblema da segunda divisão B espanhola, para na atual regressar ao Sporting e assumir o projeto dos sub-23, equipa com a qual liderava a Liga do escalão, com cinco vitórias em cinco jornadas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG