João Sousa segue para a 2.ª ronda do Open do Estados Unidos

Português bateu com facilidade o espanhol Marcel Granollers em três sets - 6-2, 6-2 e 6-3 - em pouco menos de duas horas. Põe um ponto final numa série de sete derrotas consecutivas.

Há dois meses que João Sousa não sabia o que era vencer um jogo no circuito de ténis profissional. Perdeu à primeira em Antalya, em Wimbledon, em Umag, em Gstaad, em Toronto, em Cincinatti e em Winston-Salem. Mas nesta terça-feira o português número 68 do mundo resolveu com facilidade o encontro da primeira ronda diante do espanhol Marcel Granollers, 107 da hierarquia. Em apenas três sets (6-2, 6-2 e 6-3) Sousa conseguiu obteve a qualificação.

O vimaranense atinge a segunda ronda do Open dos Estados Unidos pela quarta vez na carreira, tendo em 2013 e 2016 chegado mesmo ao terceiro encontro.

Na segunda ronda, Sousa vai defrontar o vencedor do duelo entre o tunisino Malek Jaziri (ranking 59) e o espanhol Pablo Carreno Busta (12).

Exclusivos

Premium

Flamengo-Grémio

Jesus transporta sonho da Champions para a Libertadores

O treinador português sempre disse que tinha o sonho de um dia conquistar a Liga dos Campeões. Tem agora a oportunidade de fazer história levando o Flamengo à final da Taça Libertadores para se poder coroar campeão da América do Sul. O Rio de Janeiro está em ebulição e uma vitória sobre o Grémio irá colocar o Mister no patamar de herói.