Tondela empata em casa com Rio Ave e continua sem vencer

Vila-condenses estiveram a ganhar, com golo de Galeno na primeira parte, mas Sergio Peña empatou para os beirões no segundo tempo, em partida da 3.ª jornada da I Liga

Depois de Vitória de Guimarães e Nacional se terem estreado a ganhar à 3.ª jornada, o Tondela continua a ser uma das quatro equipas ainda sem triunfos na I Liga, juntamente com Santa Clara, Desp. Aves e Portimonense, ao empatar este domingo em casa com o Rio Ave (1-1).

Os vila-condenses foram a primeira equipa a marcar, por Galeno (17 minutos), que recebeu um passe de Gelson Dala e contornou o guarda-redes Cláudio Ramos antes de rematar para a baliza deserta.

O conjunto orientado por José Gomes chegou a apontar um segundo golo, por Gelson Dala, mas foi anulado por fora de jogo (24').

Os beirões melhoraram de produção no segundo tempo e chegaram à igualdade aos 57 minutos, através de um remate colocado de Sergio Peña à entrada da área.

Já nos derradeiros minutos da partida (90+1'), o avançado tondelense Tomané foi expulso devido a protestos.

Com este resultado, o Rio Ave passa a somar quatro pontos e iguala Boavista e Sp. Braga, que ainda este domingo recebe o Desp. Aves (20.30), na sexta posição. O Tondela amealha o segundo ponto e iguala o Santa Clara no 15.º lugar.

Ler mais

Premium

João Almeida Moreira

Bolsonaro, curiosidade ou fúria

Perante um fenómeno que nos pareça ultrajante podemos ter uma de duas atitudes: ficar furiosos ou curiosos. Como a fúria é o menos produtivo dos sentimentos, optemos por experimentar curiosidade pela ascensão de Jair Bolsonaro, o candidato de extrema-direita do PSL em quem um em cada três eleitores brasileiros vota, segundo sondagem de segunda-feira do banco BTG Pactual e do Instituto FSB, apesar do seu passado (e presente) machista, xenófobo e homofóbico.