Tavares Pereira: "A minha candidatura vem de fora para dentro. É isso que a distingue"

O empresário Fernando Tavares Pereira, candidato à presidência do Sporting, afirmou esta quarta-feira que José Peseiro será o seu treinador.

"A minha candidatura vem de fora para dentro. É isso que distingue a minha candidatura das restantes. Na minha vida sempre fui uma pessoa independente e pouco ligada a certos lobbies", disse esta quarta-feira o empresário na apresentação do programa eleitoral.

Tavares Pereira, de 61 anos, revelou ainda que, caso ganhe as eleições agendadas para 8 de setembro, não quer vencimento como presidente do Conselho Diretivo do clube.

Esta quarta-feira, na apresentação em Lisboa, Tavares Pereira revelou que já foi convidado "por duas vezes" para presidir aos destinos do Sporting, e avançou que José Peseiro, trazido pela Comissão de Gestão do clube, será o seu treinador. "Queremos ganhar e apostar em quem lá está, o treinador é José Peseiro", assumiu.

O empresário ligado ao setor da metalomecânica e da construção civil e que exerce a sua atividade no concelho de Tábua, disse estar muito próximo dos núcleos sportinguistas espalhados pelo chamado País real.

"Fizemos trabalho de rua e percorremos cerca de 20.000 quilómetros. Elaborar um programa eleitoral sem ouvir os sócios seria difícil. Queremos dar mais voz e mais vida aos núcleos", justificou.

O candidato manifestou ainda disponibilidade para ouvir os restantes oito candidatos às eleições de 08 de setembro no Sporting, mas recusou a ideia de estabelecer alianças. "Vamos sozinhos até ao fim", referiu.

Entre as suas principais preocupações está a revitalização da Academia de Alcochete e do Museu do Sporting, bem como manter o projeto das modalidades e a criação daquilo que designou dos novos Cinco Violinos.

"Na Seleção de sub-19, vencedora do Europeu, só esteve presente um jogador formado na Academia do Sporting, que já foi a melhor da Europa. Vamos fazer uma grande reestruturação na Academia», avançou Fernando Tavares Pereira.

Vitalino Canas, político ligado ao PS, foi a personalidade escolhida pela lista de Fernando Tavares Pereira para concorrer à Assembleia Geral.

"O Sporting está num momento delicado da sua existência e nenhum de nós deve estar afastado. É um cargo difícil. Mas a persuasão de Fernando Tavares Pereira convenceu-me a aceitar o convite", frisou Vitalino Canas.

O político adiantou que Fernando Tavares Pereira "tem uma candidatura com os ingredientes necessários para ter sucesso. É uma candidatura que não vem contra alguém. Não está aqui para se promover, mas para ser útil ao clube".

Nove associados do clube já manifestaram intenção de concorrer ao ato eleitoral, agendado para 08 de setembro, mas até à data apenas Frederico Varandas, antigo diretor clínico, formalizou a candidatura, cujo prazo de entrega de listas termina em 08 de agosto.

Desde de que o presidente da MAG convocou eleições apresentaram-se como candidatos Frederico Varandas, Bruno de Carvalho, Carlos Vieira, Dias Ferreira, João Benedito, José Maria Ricciardi, Fernando Tavares Pereira, Pedro Madeira Rodrigues e Zeferino Boal.

Ler mais

Exclusivos