Sporting exige indemnização de 45 milhões de euros a Rafael Leão, ao empresário e ao Lille

SAD dos leões lamenta o comportamento do clube francês, do empresário e do pai do jogador em todo este processo.

A SAD do Sporting anunciou nesta quinta-feira, através de um comunicado, que vai avançar com uma queixa na FIFA na sequência da contratação de Rafael Leão por parte dos franceses do Lille - o jovem tinha sido um dos jogadores que rescindiram contrato com justa causa na sequência do ataque à Academia de Alcochete.

Em comunicado, a SAD do Sporting diz ter decidido avançar com esta participação ao organismo que rege o futebol mundial, "com pedido indemnizatório, ao atleta e ao clube, correspondente à cláusula de rescisão de 45 milhões de euros, acrescidos de vencimentos e outros encargos, e o pedido de aplicação de sanções desportivas a ambos".

No mesmo comunicado, a SAD presidida por Sousa Cintra refere ter decidido por unanimidade avançar com esta queixa na FIFA devido "ao inaceitável comportamento" do Lille, do agente de Rafael Leão e do pai do avançado. "Participar da falta de ética profissional do referido agente junto da Associação Nacional de Agentes de Futebol (ANAF) e da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por recusar inexplicável e irresponsavelmente qualquer contacto para uma negociação séria com a Sporting SAD, apesar de reiteradamente solicitado para tal", diz a nota, que lamenta ainda que "o pai do atleta tenha igualmente contribuído para pôr em risco o futuro desportivo do atleta pela idêntica e inaceitável recusa de um diálogo substancial e construtivo".

Rafael Leão foi oficialmente apresentado como reforço do Lille, da I Liga francesa, na quarta-feira

Ler mais

Exclusivos

Adolfo Mesquita Nunes

Premium Derrotar Le Pen

Marine Le Pen não cativou mais de dez milhões de franceses, nem alguns milhões mais pela Europa fora, por ter sido estrela de conferências ou por ser visita das elites intelectuais, sociais ou económicas. Pelo contrário, Le Pen seduz milhões de pessoas por ter sido excluída desse mundo: é nesse pressuposto, com essa medalha, que consegue chegar a todos aqueles que, na sequência de uma crise internacional e na vertigem de uma nova economia digital, se sentem excluídos, a ficar para trás, sem oportunidades.

Adolfo Mesquita Nunes

Premium Derrotar Le Pen

Marine Le Pen não cativou mais de dez milhões de franceses, nem alguns milhões mais pela Europa fora, por ter sido estrela de conferências ou por ser visita das elites intelectuais, sociais ou económicas. Pelo contrário, Le Pen seduz milhões de pessoas por ter sido excluída desse mundo: é nesse pressuposto, com essa medalha, que consegue chegar a todos aqueles que, na sequência de uma crise internacional e na vertigem de uma nova economia digital, se sentem excluídos, a ficar para trás, sem oportunidades.

João Taborda da Gama

Premium Temos tempo

Achamos que temos tempo mas tempo é a única coisa que não temos. E o tempo muda a relação que temos com o tempo. Começamos por não querer dormir, passamos a só querer dormir, e por fim a não conseguir dormir ou simplesmente a não dormir, antes de passarmos o resto do tempo a dormir, a dormir com os peixes. A última fase pode conjugar noites claras e tardes escuras, longas sestas de dia com um dormitar de noite. Disse-me um dia o meu barbeiro que os velhotes passam a noite acordados para não morrerem de noite, e se ele disse é porque é.

João Taborda da Gama

Premium Temos tempo

Achamos que temos tempo mas tempo é a única coisa que não temos. E o tempo muda a relação que temos com o tempo. Começamos por não querer dormir, passamos a só querer dormir, e por fim a não conseguir dormir ou simplesmente a não dormir, antes de passarmos o resto do tempo a dormir, a dormir com os peixes. A última fase pode conjugar noites claras e tardes escuras, longas sestas de dia com um dormitar de noite. Disse-me um dia o meu barbeiro que os velhotes passam a noite acordados para não morrerem de noite, e se ele disse é porque é.