Scolari anuncia que tem proposta para ser selecionador da Colômbia

Felipão está a analisar a proposta, mas admite permanecer no Palmeiras, clube que conduziu ao título de campeão brasileiro

Luiz Felipe Scolari revelou esta segunda-feira ao jornal Globo Esportes que tem em mãos um convite para ser o próximo selecionador da Colômbia. "Tenho um convite, sim, mas é um assunto que vou pensar com muita clareza, agora que acabou o campeonato", revelou numa cerimónia de atribuição de prémios do Brasileirão.

Felipão sagrou-se campeão brasileiro este ano ao serviço do Palmeiras, depois de ter sido contratado pelo clube paulista a meio do campeonato brasileiro. Agora, poderá voltar a emigrar depois de mais um título no seu país. "Nos últimos 20/25 anos devo ter passado 80% do tempo fora do Brasil. Tenho de pensar na minha família e na família palmeirense", assumiu.

"A forma como fui tratado e como fui recebido, a identificação que existe entre mim e os palmeirenses... Tenho de pensar. Muitas vezes estar estar num lugar onde sou muito bem recebido vale mais do que outros valores ou outras situações", acrescentou.

A federação colombiana está numa fase transitória desde que José Pekerman ter pedido a demissão de selecionador em setembro. Vários nomes foram já equacionados, sendo que um deles até foi o português Carlos Quueiroz, atual treinador da seleção do Irão. Arturo Reyes, de 49 anos, tem orientado os cafeteros nos jogos particulares que tem realizado.

Ler mais

Exclusivos