Sara Carbonero lamenta saída de Cristiano Ronaldo do Real Madrid

A mulher de Iker Casillas recordou a boa relação do guarda-redes com CR 7, mas os seguidores não esqueceram as críticas que fez no passado ao jogador português

"Sentimos que parte algo nosso, algo que nos deu muitas alegrias". Foi esta a frase de Sara Carbonero, mulher de Iker Casillas, que, segundo a imprensa espanhola, deu origem à polémica. Entrevistada à margem da Mercedes-Benz Fashion Week, em Madrid, a jornalista espanhola lamentou a saída de Cristiano Ronaldo para a Juventus, e os internautas não gostaram.

"Ele [Iker Casillas] tinha uma belíssima relação com Cristiano e, como a todos, deu-nos pena a sua saída", afirmou Carbonero, que participou no evento como embaixadora da marca de produtos capilares L'Oréal.

A imprensa espanhola diz que os internautas apelidaram Sara Carbonero de "mentirosa" e "falsa", ao que tudo indica devido a declarações antigas da jornalista. Quando Cristiano Ronaldo jogou com Casillas no Real Madrid, criticou-o por ser "egoísta" e "individualista".

Casillas deixou mensagem

Após as notícias da transferência de CR 7 para a Juventus, Iker Casillas deixou uma mensagem emotiva ao jogador português no Twitter: "As despedidas doem, ainda mais quando se trata de um jogador assim. Agradeço-te aquilo que fizeste por um clube, que tornaste ainda maior do que já era".

Ler mais

Exclusivos

Ricardo Paes Mamede

DN+ Queremos mesmo pagar às pessoas para se reproduzirem?

De acordo com os dados do Banco Mundial, Portugal apresentava em 2016 a sexta taxa de fertilidade mais baixa do mundo. As previsões do INE apontam para que a população do país se reduza em mais de 2,5 milhões de habitantes até 2080, caso as tendências recentes se mantenham. Segundo os dados da OCDE, entre os países com economias mais avançadas Portugal é dos que gastam menos com políticas de apoio à família. Face a estes dados, a conclusão parece óbvia: é preciso que o Estado dê mais incentivos financeiros aos portugueses em idade reprodutiva para que tenham mais filhos.