Palmeiras de Scolari a uma vitória de festejar o título

O Verdão goleou o América por 4-0, mas no Maracanã o Flamengo também venceu o Grémio e adiou tudo para a penúltima jornada no domingo

O Palmeiras está muito perto de festejar o 10.º título de campeão brasileiro da sua história. A equipa de Luiz Felipe Scolari goleou na madrugada desta quinta-feira o América Mineiro por 4-0 e só não garantiu imediatamente o título porque à mesma hora o Flamengo recebeu e derrotou o Grémio, por 2-0, adiando tudo para a penúltima jornada que se realiza no próximo domingo.

Assim, se na próxima ronda, o Palmeiras vencer o Vasco da Gama no Rio de Janeiro garante desde logo o título, independentemente do que acontecer em Belo Horizonte, onde o Flamengo jogará com o Cruzeiro.

A Allianz Parque, em São Paulo, estava já preparada para a festa quando o árbitro deu início à partida entre o Verdão e o América, pois o Internacional de Porto Alegre tinha acabado de perder (1-2) o seu jogo, em Minas Gerais, com o Atlético Mineiro, e ficava automaticamente fora da corrida pelo título, pelo que faltava apenas que o Flamengo não vencesse.

Ao intervalo, no entanto, o suspense mantinha-se pois os dois jogos continuavam empatados a zero. O primeiro golo acabou por aparecer no Maracanã, onde o Flamengo se colocou em vantagem logo aos 47 minutos com um golo de Fernando Uribe. Não demorou muito até que o Palmeiras desse início à goleada por 4-0, com golos de Luan, Willian, Dudu e Deyverson. Foi quase até ao fim que Scolari e os adeptos do Verdão esperaram pelo empate do Grémio no Maracanã, mas aos 90 minutos, o Flamengo acabou por fazer o segundo golo por Diego, antigo jogador do FC Porto, acabando com esperança do Palmeiras em comemorar desde logo o título.

Assim sendo, fica tudo adiado para domingo, na penúltima jornada do Brasileirão, com a equipa de Felipão a poder fazer valer os cinco pontos que tem de vantagem sobre o Flamengo.

O Palmeiras segue com 21 jogos consecutivos sem perder, o que representa um novo recorde na história do Campeonato Brasileiro. A festa está assim marcada para domingo, em São Januário, Rio de Janeiro, onde o Verdão até pode fazer a festa perdendo com o Vasco da Gama, desde que o Flamengo não ganhe em casa do Cruzeiro.

Exclusivos