Morreu o antigo atleta queniano Paul Koech

Campeão mundial da meia-maratona em 1998 tinha 49 anos

O antigo atleta queniano Paul Koech, campeão mundial da meia-maratona em 1998, morreu na segunda-feira, aos 49 anos, anunciou a Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF).

A causa da morte do antigo atleta, companheiro de treino de Paul Tergat, não foi especificada, tendo a IAAF referido apenas que esta ocorreu após um curto período de doença.

A Federação de Atletismo do Quénia já lamentou a morte de Koech, que descreveu como "uma grande atleta de estrada e de corta-mato".

Koech começou a competir internacionalmente em 1995 e, no ano seguinte, foi sexto nos 10.000 metros dos Jogos Olímpicos de Atlanta.

Em 1998, Paul Koech, que representou a seleção do Quénia entre 1996 e 2003, sagrou-se campeão mundial da meia-maratona.

Ler mais

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.