Treinador do Eintracht elogia João Félix: "Pode mudar um jogo inteiro sozinho"

Adi Hütter, treinador do Eintracht Frankfurt, diz que a sua equipa precisa de fazer um jogo perfeito esta quinta-feira para conseguir anular a vantagem de 4-2 do Benfica na Liga Europa.

O treinador do Eintracht Frankfurt garantiu esta quarta-feira que será preciso um "jogo perfeito" para ultrapassar o Benfica, na segunda mão dos quartos de final da Liga Europa de futebol, e voltou a deixar rasgados elogios a João Félix.

"Precisamos de um jogo perfeito. Temos de marcar dois golos. Vamos jogar com uma das melhores equipas da Europa. Precisamos de controlar o jogo e jogar de forma ofensiva", disse Adi Hütter, em conferência de imprensa.

O técnico falava sobre a partida da segunda mão, marcada para esta quinta-feira, em Frankfurt, depois de um primeiro jogo em que o Benfica venceu por 4-2, no Estádio da Luz, e no qual jogou desde os 20 minutos em superioridade numérica, devido à expulsão do defesa francês Evan N'Dicka.

"Não podemos sofrer golos e temos de criar oportunidades para marcar. Temos de ser cautelosos quando perdermos a bola, porque eles têm muita velocidade. Não lhes podemos conceder hipóteses para marcarem", alertou.

Hütter mostrou-se confiante num bom resultado, lembrando que, no jogo da primeira mão, o Eintracht conseguiu "jogar muito bem, mesmo reduzido a 10 jogadores muito cedo", na sequência da expulsão de N'Dicka. "Depois do primeiro jogo, o Benfica é favorito, mas nós jogamos em casa. Aqui, conseguimos marcar quatro golos à Lazio e ao Marselha [ambos na fase de grupos]. Não quer dizer que consigamos o mesmo amanhã [quinta-feira], mas temos essa capacidade de marcar golos em casa. Diria que há 55% de favoritismo para o Benfica e 45% para o Eintracht", apontou.

O encontro em Lisboa ficou marcado pela exibição de João Félix, autor de um hat-trick e da assistência para o tento de Rúben Dias. Adi Hütter, que já tinha elogiado o avançado 'encarnado' após essa partida, voltou a destacar as qualidades do jovem, de 19 anos. "O João Félix tem altíssima qualidade, quase consegue fazer tudo sozinho, é muito perigoso e pode mudar um jogo inteiro sozinho", salientou, apesar de lembrar que "não é o único jogador que consegue marcar golos no Benfica": "É um jogador muito importante, mas eles ainda têm o Seferovic e o Rafa Silva também joga muito bem."

Benfica e Eintracht Frankfurt jogam na quinta-feira, a partir das 20:00 (hora portuguesa), na Commerzbank Arena, em Frankfurt, num encontro que será dirigido pelo italiano Daniele Orsato.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Opinião

Os aspirantes a populistas

O medo do populismo é tão grande que, hoje em dia, qualquer frase, ato ou omissão rapidamente são associados a este bicho-papão. E é, de facto, um bicho-papão, mas nem tudo ou todos aqueles a quem chamamos de populistas o são de facto. Pelo menos, na verdadeira aceção da palavra. Na semana em que celebramos 45 anos de democracia em Portugal, talvez seja importante separarmos o trigo do joio. E percebermos que há políticos com quem podemos concordar mais ou menos e outros que não passam de reles cópias dos principais populistas mundiais, que, num fenómeno de mimetismo - e de muito oportunismo -, procuram ocupar um espaço que acreditam estar vago entre o eleitorado português.