José Mourinho já pisca o olho a uma seleção

O treinador português ainda não tem clube para a nova época e já admite experimentar ser selecionador

Não foi há muito tempo que José Mourinho disse que não se via tão cedo a treinar uma seleção. Pois bem, os tempos mudaram e numa fase em que todos os grandes clubes europeus já têm treinador para a próxima época, o técnico português já admite a possibilidade de esse horizonte que era longínquo está agora cada vez mais próximo.

"Neste momento vejo-me mais numa seleção do que num novo clube", disse em entrevista à televisão Eleven Sports, recusando, no entanto, a ideia de ser candidato ao lugar de Fernando Santos na equipa das quinas: "Se Portugal é a equipa ideal para mim? Não necessariamente."

Mourinho diz que nesta fase da sua carreira o meais importante é "estar feliz" e, como tal, está aberto a novas sensações. "Quero experimentar novas competições e penso num Mundial ou Europeu", assumiu, embora ainda se sinta tentado pela agitação do dia a dia num clube: "Ganhar um quinto campeonato num país diferente ou uma Champions num terceiro clube são coisas que gostaria de fazer. Mas o que quero é estar feliz, não necessariamente ganhar. Quero um projeto que me convença."

O treinador português está sem clube desde o dia 18 de dezembro, altura em que foi demitido do Manchester United devido aos maus resultados da equipa.

Exclusivos