Cristiano Ronaldo já trabalha "no duro" na Juventus

O avançado português já treinou esta terça-feira com vários companheiros que só agora integraram os trabalhos devido à participação no Mundial2018 da Rússia.

"Primeiro treino no duro. Trabalho feito!", escreveu Cristiano Ronaldo nas redes sociais.Um dia depois de ter passado por um conjunto de exames médicos, o ex-Real Madrid esteve a trabalhar no 'JTC', o Juventus Training Camp , juntamente com um quinteto sul-americano.

Os argentinos Paulo Dybala e Gonzalo Higuaín, o colombiano Juan Cuadrado, o brasileiro Douglas Costa e o uruguaio Rodrigo Betancur fizeram companhia a Cristiano Ronaldo, que no Mundial também passou a fase de grupos por Portugal.

O treino desta terça-feira baseou-se em corrida e diferentes circuitos de exercícios físicos, além dos habituais alongamentos no final da sessão.

A Juventus está nos Estados Unidos a disputar a International Champions Cup, jogando na madrugada de quinta-feira frente a uma seleção do campeonato norte-americano.

Aos 33 anos, o capitão da seleção de Portugal assinou pela heptacampeã de Itália, que pagou ao Real Madrid 112 milhões de euros.

Cristiano Ronaldo, que assumiu um vínculo de quatro épocas, foi eleito o melhor futebolista do mundo por cinco vezes, tantas quanto o argentino Lionel Messi, estando entre os 10 finalistas para o cetro em 2018.

Depois de deixar o Sporting em 2003, 'CR7' jogou no Manchester United até 2009, ano em que se mudou para o Real Madrid, clube pelo qual marcou 450 golos em 438 jogos e venceu, entre outros títulos, quatro ligas dos campeões e três mundiais de clubes.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Rosália Amorim

"Sem emoção não há uma boa relação"

A frase calorosa é do primeiro-ministro António Costa, na visita oficial a Angola. Foi recebido com pompa e circunstância, por oito ministros e pelo governador do banco central e com honras de parada militar. Em África a simbologia desta grande receção foi marcante e é verdadeiramente importante. Angola demonstrou, para dentro e para fora, que Portugal continua a ser um parceiro importante. Ontem, o encontro previsto com João Lourenço foi igualmente simbólico e relevante para o futuro desta aliança estratégica.