Bino justifica saída de João Félix do FC Porto: "Outros jogadores também davam rendimento"

Em entrevista à TSF, o antigo treinador das camadas jovens dos dragões deixa a ideia que o avançado não gostava de ser suplente

Bino, antigo treinador de João Félix nas camadas jovens do FC Porto, explicou à TSF o processo que levou à mudança do avançado para o Benfica.

"Quando nos dizem que temos muito talento não precisamos de correr muito, porque pensamos que esse talento nos vai levar seja onde for. É impensável que não joguemos porque somos os melhores. Foi um bocadinho isto que se foi passando", assumiu o antigo médio dos dragões, que também jogou no Sporting.

Bino lembra que o processo de saída não foi com ele, mas diz saber de "alguma insatisfação do João Félix, porque na altura outros jogadores também davam rendimento". Ainda assim deixa uma certeza: "O FC Porto pretendia continuar com ele só que, como havia o interesse do Benfica e aqui há alguns valores que se levantam, o João Félix acaba por não querer assinar pelo FC Porto e assinou pelo Benfica. Ele já ganhava dinheiro no FC Porto, mas o Benfica ofereceu muito mais."

João Félix foi eleito pela Liga como o melhor jogador do mês de janeiro, mas Bino considera que é preciso ter "muito cuidado". "Estamos numa fase em que se valoriza muito rapidamente um jogador e às vezes não é fácil ver todos os dias no jornal que se é o melhor mesmo com a idade de João Félix", frisa.

"Isso pode levar-nos a outros problemas: se sou o melhor porque é que sou o mais mal pago nesta altura? Leva-nos a querer outras coisas e a ter outras perspetivas e o foco pode deixar de ser o fundamental que é o jogar. Se bem que me parece que o João Félix tem os pés bem assentes no chão e a sua paixão pelo jogo é maior do que tudo isso, mas depois há gente por trás que lhes pode buzinar aos ouvidos muitas outras coisas que podem desfocá-lo", alerta.

Ler mais

Exclusivos