FIFA analisa alargamento do Mundial de 2022 a 48 seleções no próximo mês

O presidente da FIFA adiantou esta sexta-feira que o organismo regulador do futebol mundial vai analisar no próximo mês a possibilidade de antecipar o alargamento do Mundial de 32 para 48 seleções já a partir de 2022, no Qatar

Nuno Fernandes
©  EPA/FELIPE TRUEBA

"Isso será analisado no próximo mês, em primeiro lugar, com as autoridades do Qatar, e depois com todas as restantes partes interessadas", disse Gianni Infantino, em conferência de imprensa no Estádio Luzhniki, em Moscovo, onde no domingo as seleções de França e Croácia vão disputar a final do Mundial2018.

Infantino não precisou a data em que será anunciada uma decisão final sobre a antecipação do alargamento do Campeonato do Mundo -- prevista para a edição de 2026, no Canadá, Estados Unidos e México --, adiantando apenas que ocorrerá "antes do início da fase de qualificação".

O presidente da FIFA reafirmou que a próxima edição do Campeonato do Mundo vai realizar-se entre 21 de novembro e 18 de dezembro, "porque não é possível jogar futebol no Qatar em junho e julho", meses em que habitualmente se realiza o torneio.