1.º de Agosto pode conquistar tricampeonato na quinta-feira

O 1.º de Agosto pode conquistar já na quinta-feira o tricampeonato angolano na penúltima jornada do Girabola, tendo de vencer na deslocação ao Dundo (Lunda Norte) o Sagrada Esperança, atual sétimo classificado.

David Pereira
© 1.º Agosto

Com três pontos de vantagem sobre o rival Petro de Luanda (50 pontos), os militares (53) têm vantagem no confronto direto - empate a zero na primeira volta e vitória por 2-0 na segunda -, pelo que uma vitória garante o tricampeonato.

Numa penúltima jornada (29.ª) com os jogos a serem disputados todos à mesma hora (15.00 locais, mesma hora em Portugal), o Petro de Luanda tem, teoricamente, um jogo mais difícil, pois desloca-se ao terreno do Interclube, que está na terceira posição na prova, com 42 pontos, mais cinco do que a Académica do Lobito e Recreativo do Libolo.

A equipa do Lobito desloca-se ao terreno do Recreativo de Caála, que ainda não está livre de uma despromoção ao segundo escalão, uma vez que tem 25 pontos, tantos quantos o Cuando Cubando FC, que recebe o Recreativo do Libolo.

Com a desistência do JGM do Huambo, o 1.º de Maio de Benguela (19 pontos e apenas com uma partida por disputar - folga na última jornada) também já desceu ao segundo escalão, faltando saber quem os acompanhará.

A três pontos do Recreativo de Caála e do Cuando Cubango FC está o Domant FC do Bengo (22 pontos), que joga quinta-feira na Huíla, frente a um confortável Desportivo local (6.º lugar, com 33 pontos), necessitando de uma vitória para manter a esperança de permanecer no principal escalão do futebol angolano.

Nos restantes dois jogos da penúltima jornada, em que folga o Progresso do Sambizanga (9.º, com 30 pontos), os Bravos do Maquis (10.º, também com 30) recebem o Kabuscorp do Palanca (8.º, com 31), e o já despromovido 1.º de Maio do Bengo recebe um tranquilo Sporting de Cabinda (8.º, com 31).

A última jornada do Girabola disputa-se a 2 de setembro e, tal como na penúltima, os jogos decorrem à mesma hora.

Quinta-feira (todos às 15.00)

Recreativo de Caála - Académica do Lobito

Bravos do Maquis - Kabuscorp do Palanca

Cuando Cubango FC - Recreativo do Libolo

Sagrada Esperança - 1.º de Agosto

Desportivo da Huíla - Domant FC do Bengo

Interclube - Petro de Luanda

1.º de Maio de Benguela - Sporting de Cabinda

Progresso do Sambizanga (folga)

1. - 1º de Agosto - 53;

2. - Petro de Luanda - 50;

3. - Interclube - 42;

4. - Académica do Lobito - 37;

5. - Recreativo do Libolo - 37;

6. - Desportivo da Huíla - 33;

7. - Sagrada Esperança - 33;

8. - Sporting de Cabinda - 31;

9. - Kabuscorp do Palanca - 31;

10. - Progresso do Sambizanga - 30;

11. - Bravos do Maquis - 30;

12. - Recreativo de Caála - 25;

13. - Cuando Cubango FC - 25;

14. - Domant FC do Bengo - 22;

15. - 1.º de Maio de Benguela - 19;

16. - JGM do Huambo (desistência).