Aeroportos abertos de madrugada para receber adeptos da Liga das Nações

Os aeroportos do Porto e de Lisboa vão poder receber aviões durante a madrugada entre os dias 4 e 10 de junho. Uma exceção à proibição de voos entre as 00.00 e as 06.00 devido à realização da fase final da Liga das Nações no norte do país.

Durante seis dias os aeroportos Francisco Sá Carneiro (Porto) e Humberto Delgado (Lisboa) vão poder operar durante a madrugada desde que os voos estejam relacionados com a Liga das Nações em futebol, cuja fase final, envolvendo as seleções de Portugal, Suíça, Holanda e Inglaterra, está marcada para os estádios do Dragão (Porto) e D. Afonso Henriques (Guimarães).

Esta decisão dos ministérios das Infraestruturas e Habitação e Ambiente e Transição Energética, publicada esta terça-feira em Diário da República, constitui uma exceção aos regulamentos europeus que proíbem aterragens e descolagens entre as 00.00 e as 06.00 devido ao ruído que estas operações implicam.

No documento, o Governo justifica o caráter excecional desta medida com o facto de "se tratar de um evento importante relativamente ao qual o Governo Português expressou o seu apoio, com impacto favorável na economia local e em receitas de turismo e cujo sucesso se repercutirá favoravelmente na imagem do País".

Explicando que os movimentos aéreos têm de incluir a referência ao transporte de passageiros para este evento para serem autorizados a aterrar num dos dois aeroportos, a Portaria n.º 156/2019 acrescenta que a inclusão da aerogare de Lisboa nesta exceção se deve ao facto de ser necessário "acautelar a eventualidade de o aeroporto Francisco Sá Carneiro não conseguir acomodar todos os voos esperados".

Também razões de segurança levaram à disponibilização dos dois aeroportos pois é aconselhável haver a separação de adeptos: "Razões de segurança aconselham a que se proceda à segregação de adeptos, pelo que a utilização de mais do que um aeroporto é suscetível de facilitar tal tarefa, podendo, assim, distribuir-se os voos consoante a sua proveniência, contribuindo igualmente para aumentar a oferta de voos de regresso, que permitem escoar os adeptos para a sua origem o mais rápido possível, evitando ainda a sua permanência por períodos prolongados junto ao estádio ou mesmo no aeroporto, em situações que, não raras vezes, são propícias à ocorrência de conflitos ou distúrbios que afetam a ordem pública."

As meias-finais da Liga das Nações estão marcadas para 5 e 6 de junho: Portugal-Suíça (dia 5 às 19.45 no Estádio do Dragão) e Holanda-Inglaterra (a 6 às 19.45 no Estádio D. Afonso Henriques). A 9 de junho terá lugar em Guimarães, às 14.00, o jogo de atribuição do terceiro lugar e no mesmo dia terá lugar a final, no Porto às 19.45.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Benefícios fiscais para quê e para quem

São mais de 500 os benefícios fiscais existentes em Portugal. Esta é uma das conclusões do relatório do Grupo de Trabalho para o Estudo dos Benefícios Fiscais (GTEBF), tornado público na semana passada. O número impressiona por uma razão óbvia: um benefício fiscal é uma excepção às regras gerais sobre o pagamento de impostos. Meio milhar de casos soa mais a regra do que a excepção. Mas este é apenas um dos alertas que emergem do documento.

Premium

educação

O que há de fascinante na Matemática que os fez segui-la no ensino superior

Para Henrique e Rafael, os números chegaram antes das letras e, por isso, decidiram que era Matemática que seguiriam na universidade, como alunos do Instituto Superior Técnico de Lisboa. No dia em que milhares de alunos realizam o exame de Matemática A, estes jovens mostram como uma área com tão fracos resultados escolares pode, afinal, ser entusiasmante.