Adeptos do Southampton detidos por troçarem da morte de Emiliano Sala

Clube já fez saber que irá tomar uma posição "firme" contra "qualquer indivíduo que tenha feito gestos indecentes contra os adeptos de Cardiff".

Dois adeptos do Southampton foram detidos pela polícia depois de alegadamente terem troçado da morte do futebolista Emiliano Sala, durante um jogo contra o Cardiff, este sábado. O futebolista assinara um contrato com o Cardiff City, mas não chegou a vestir a camisola do seu novo clube: morreu quando o avião em que seguia caiu no Canal da Mancha, em janeiro. As imagens que surgiram das redes sociais mostram os dois adeptos a fazerem gestos de avião com os braços.

"O clube continuará a trabalhar com a polícia de Hampshire para identificar qualquer indivíduo que tenha feito gestos indecentes contra os adeptos de Cardiff", informou o Southampton, segundo a agência France-Presse.

"Esse tipo de comportamento não será tolerado em St. Mary's. O clube tomará uma posição extremamente firme contra qualquer um dos envolvidos e pretende banir os adeptos identificados", dizia ainda a nota do clube, citada pela CNN.

O corpo de Emiliano Sala foi encontrado depois de uma busca privada encomendada pela família do jogador e financiada por uma campanha de crowdfunding que atraiu o apoio de vários jogadores de futebol.

Antes do jogo, jogadores e adeptos das equipas de Southampton e Cardiff fizeram um minuto de silêncio no estádio St Mary's em memória de Sala. Southampton. Cardiff venceu a partida por 2-1.

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.